O sector de reeducação e de reabilitação da traumatologia e ortopedia é responsável pelo tratamento de reeducação de patologias relativas ao aparelho locomotor e da coluna vertebral.
A reeducação locomotora assegura o tratamento de pacientes com patologias e doenças no que toca essencialmente aos membros inferiores, bem como os membros superiores, onde o tratamento de patologias da mão é especialmente importante. As causas destas patologias são, muitas vezes, traumáticas, degenerativas ou malformações.

Uma equipa pluridisciplinar, coordenada por médicos especialistas em medicina física e reabilitação, garante um acompanhamento médico precoce em fase pós-operatória ou após uma outra forma de tratamento hospitalar. Ela concentra-se à volta de um programa individualizado em hospitalização ou ambulatório. A realização de exames é feita de forma repetida com vista a aliar-se estes tratamentos a uma recuperação óptima.

O objectivo visa proporcionar uma recuperação rápida ao paciente para este regressar à sua vida familiar, bem como a reintegração social e profissional.

Um departamento especializado em aparelhos médicos realiza e adapta próteses e órteses necessárias para a recuperação de uma incapacidade de movimentos ou uma deficiência.
A reabilitação raquidiana assegura o tratamento de patologias e doenças no que toca à coluna vertebral de etologia degenerativa, traumática ou malformação.

De seguida, o paciente é sujeito a uma intervenção cirúrgica ou recebe um outro tratamento hospitalar.

O tratamento médico é efectuado quer individualmente, quer colectivamente dentro do grupo de Restauração Dinâmica do Ráquis (RDR).
Os programas de reeducação abrangem um tratamento contra a dor e propõem, entre outros, um apoio psicossocial e a intervenção de uma escola de tratamento das costas orientada para a reintegração profissional.
Os tratamentos são propostos precocemente para evitar a colocação de um obstáculo durável e para limitar o risco de evolução relativo a uma incapacidade de trabalho definitiva.